Se está a trabalhar a partir de casa, saiba como ser produtivo e manter a motivação em teletrabalho. Tome nota!

Devido à pandemia de COVID-19, muitas pessoas foram forçadas a entrar em regime de teletrabalho. Trabalhar a partir de casa coloca vários desafios, nomeadamente o de conciliar a vida profissional com a vida pessoal e familiar.

As exigências do teletrabalho obrigam a que os trabalhadores se tenham de adaptar a esta nova realidade, adotando hábitos e rotinas que os ajudem a ser produtivos e a manterem-se motivados.

Confira as nossas dicas para ser produtivo e manter a motivação em teletrabalho.

Como ser produtivo em teletrabalho em 5 passos

1. Definir um espaço de trabalho

É importante encontrar em casa um espaço fixo para trabalhar, seja um escritório, seja outra divisão ou área, onde possa ter tudo o que precisa para o seu trabalho e onde esteja o mais afastado possível de ruídos ou de atividades domésticas.

Esse espaço deve, ainda, estar limpo e arrumado; ter uma temperatura confortável; ser arejado; e, de preferência, possuir uma fonte de luz natural.

Mulher a trabalhar em casa

2. Respeitar as regras da ergonomia

Mantenha o monitor a uma distância entre 45 a 70 centímetros e à altura dos seus olhos; coloque ambos os pés no chão; e use as costas da cadeira para manter uma postura direita e apoiada.

Além disso, deve fazer pausas para descansar a vista e para caminhar durante uns minutos. Estas medidas evitam a fadiga e o cansaço, ajudando-o a tornar-se mais produtivo.

3. Aceitar que a produtividade em teletrabalho é diferente

A produtividade em regime de teletrabalho nunca é idêntica àquela que se tem em regime presencial.

Os sentimentos de ansiedade e de preocupação gerais e a necessidade de se adaptar e de reorganizar as rotinas pessoais/familiares em função da nova situação interferem diretamente nas condições em que o teletrabalho ocorre.

Portanto, é fundamental que seja flexível e aceite que o teletrabalho vive mais de objetivos do que de horas de trabalho. Perceba que pode ter de fazer ajustes ao seu horário habitual de trabalho, de modo a que consiga conciliar melhor as demandas familiares com as demandas profissionais.

Porém, é também importante que não trabalhe mais horas do que aquelas que é suposto. Faça uma lista de tarefas diárias, objetivos e prioridades para que consiga ser mais organizado e produtivo.

Família a tomar pequeno-almoço

4. Manter uma rotina estruturada

Ainda que com alguma flexibilidade, deve ter horários de acordar e de deitar; de começar e de acabar de trabalhar; e de fazer as suas refeições. Também não deve descurar a higiene pessoal diária e o vestuário.

Além disso, não se esqueça que deve descansar, pois a higiene do sono é fundamental para restabelecer as energias vitais e o equilíbrio pessoal.

5. Evitar distrações e interrupções

É fundamental estabelecer horários para trabalho, descanso e lazer. Não deve interromper o trabalho para fazer tarefas domésticas, ver televisão ou jogar jogos.

Se não estiver sozinho em casa, deve sensibilizar os outros para o facto de que quando está no seu horário de trabalho, é como se não estivesse em casa e, como tal, não deve ser interrompido.

4 dicas para manter a motivação em teletrabalho

1. Confiar em si e nas suas capacidades

O regime de teletrabalho, sobretudo no contexto atual, levanta grandes desafios, principalmente no que respeita à gestão da vida pessoal e familiar com a vida profissional. Por isso, é normal sentir-se mais stressado, cansado, frustrado e sobrecarregado.

Primeiramente, é necessário adaptar-se a esta nova realidade e confiar em si e na sua capacidade de gerir e de ultrapassar esses sentimentos.

Não descure no autocuidado, no humor e na resiliência, pois são fortes aliados na hora de lidar com esta nova conjuntura.

Reunião de trabalho online

2. Trabalhar em equipa

Se está habituado a trabalhar em equipa, é natural que sinta falta dos seus colegas, enquanto está em teletrabalho.

Portanto, use as ferramentas digitais disponíveis para comunicar com os seus colegas. Criem um plano de comunicação em que possam partilhar experiências e dificuldades, apoiando-se e motivando-se mutuamente.

3. Valorizar o trabalho

Diariamente, dedique alguns minutos a pensar como o seu trabalho é importante para o desenvolvimento da sociedade.

Esta é uma forma de se sentir mais motivado e de encarar os desafios diários com mais ânimo.

4. Fazer exercício físico e uma alimentação saudável

Estar muito tempo em casa pode ser um “convite” ao sedentarismo e à má alimentação ou à alimentação em excesso.

Por esse motivo, é importante que faça pequenas pausas durante o dia e não descure no exercício físico, nem na alimentação saudável.

Mantenha uma rotina de atividade física e respeite os horários das refeições, as quais devem ser completas e equilibradas. Além disso, não se esqueça de beber água ao longo de todo o dia.

Mulher a fazer exercício físico em casa

Regra de ouro: se precisar de ajuda, peça!

Se, mesmo seguindo estas dicas, sente de forma reiterada emoções negativas, como tristeza, preocupação, ansiedade e/ou desmotivação, e até outros sintomas, como dor ou desconforto em alguma região do corpo, deve contactar os Serviços de Saúde Ocupacional ou de Saúde e Segurança do Trabalho da sua empresa.

A experiência do teletrabalho, sobretudo em contexto de pandemia, pode ser difícil de gerir e, por isso, sempre que sentir que não está a conseguir lidar com a pressão, deve procurar ajuda especializada.

Ser produtivo e manter a motivação em teletrabalho pode não ser tarefa fácil, mas não é impossível. Adotando as dicas que apontamos acima, certamente irá conseguir ganhar mais organização e disciplina e, assim, encarar o teletrabalho com mais ânimo.

Contudo, se sentir que não está a conseguir gerir todo o trabalho e exigências quer profissionais, quer pessoais, não hesite em pedir ajuda seja a quem está à sua volta, seja a um médico ou especialista em saúde mental.

O Serviço Nacional de Saúde também tem à sua disposição uma linha de atendimento de aconselhamento psicológico, integrada na linha telefónica do SNS 24 . Deve, por isso, ligar para o 808 24 24 24 e escolher a opção 4 (relativa ao aconselhamento psicológico). O atendimento é feito por parte de psicólogos clínicos, especialmente focados na intervenção psicológica em contexto de crise.

+ Fontes

  1. Ordem dos Psicólogos. COVID-19. Recomendações para quem está em teletrabalho. Disponível em: https://www.ordemdospsicologos.pt/ficheiros/documentos/covid_19_recomendacoes_teletrabalho.pdf
  2. Direção-Geral da Saúde. COVID-19. Teletrabalho. Disponível em: https://www.dgs.pt/saude-ocupacional/covid-19-novo/teletrabalho.aspx
Tags
Unilabs Autor Unilabs

Presente em Portugal desde 2006, a Unilabs é líder nacional em Diagnóstico Clínico, com mais de 1000 Unidades de atendimento ao seu dispor. Serviços: Análises Clínicas, Cardiologia, Anatomia Patológica, Radiologia, Genética Médica, Medicina Nuclear, Gastrenterologia.